Mesmo sendo inocentado pelo MP estudante de medicina livramentense é expulso da UESB

mauricio

Foto: Reprodução / TV Sudoeste

O livramentense Maurício Guilherme Nunes, que faltava quatro meses para concluir o curso de Medicina da UESB, foi expulso indevidamente por acusação de fraude nas cotas. Em entrevista com a Emissora TV Sudeste de Vitoria da Conquista, Maurício relatou que o Ministério Público de Livramento de Nossa Senhora investigou sobre o caso e através de provas lhe inocentou, onde foi determinado a retirada de seu nome do processo de acusação por falsidade ideológica. Mesmo provando que ele entrou na Universidade por cota quilombola, o mesmo teve sua matrícula cancelada pela Instituição. Conforme informações obtidas pelo Livramento Manchete, o aluno quilombola foi notificado no dia 09 de junho que estava sendo expulso da UESB. Guilherme começou a estudar na Universidade em 2011 e entrou na Justiça para ser reintegrado novamente, ele afirma que até hoje frequenta sua comunidade oriunda que é “Itaguaçu” localizada no município de Livramento. Assista a reportagem:



Comentários

Os comentários estão fechados.